Como comprar roupas da China no atacado para revenda?


Comprar roupas da China no atacado para revenda é uma oportunidade de negócio para quem quer trabalhar com importação. Antes de começar, além de se informar sobre as questões burocráticas do processo, é preciso encontrar fornecedores e definir o que será vendido.


Neste artigo, você vai ver o que precisa analisar antes de começar a comprar roupas da China no atacado para revenda. Além disso, vai conferir algumas dicas que vão te ajudar com todo o processo. Continue com a leitura e confira!


3 formas de importar da China no atacado


Existem algumas formas de começar a importar da China, de forma segura. Veja a seguir quais são as mais utilizadas pelos importadores brasileiros.


Importação por meio de trading


Trading é feito por meio de empresas terceirizadas, que fazem todo o processo de importação e transporte. A empresa de trading faz o acompanhamento, desde o momento da compra até a entrega da mercadoria.

Antes de optar por esse serviço, o importador deve pesquisar, saber quais são as vantagens e desvantagens, bem como os custos etc, principalmente em relação ao mercado chinês.


Entenda mais sobre os custos da importação em nosso curso aqui.


Revender sem estoque


A revenda sem estoque não é uma modalidade de importação, mas pode utilizar o dropshipping.

Nesse modelo de importação, a empresa encontra um parceiro que fornece os produtos apenas após serem vendidos.

A loja conecta o seu site ao fornecedor, que vai fazer todo o trabalho que envolve o envio dos produtos depois que foram comprados por um cliente.

Dessa forma, o revendedor no Brasil não precisa ter um estoque e ainda pode adquirir as mercadorias em preço de atacado e precificar como preferir.

Por outro lado, o dropshipping também tem outros custos, pois o fornecedor vai ser responsável por outras atividades, como o envio da mercadoria para cada cliente. Outra desvantagem é o prazo de entrega, que tende a ser maior, pois o produto será adquirido e depois enviado da China.


Importar direto da fábrica


Comprar diretamente da fábrica, em atacado, é uma das opções mais econômicas para quem quer começar a importar. Nesse caso, a negociação é direta com o fornecedor e é preciso ter atenção com o planejamento.

O importador precisa ter uma previsibilidade de estoque, além de ter habilidade para negociar com os fabricantes e organizar o envio das mercadorias.

Embora seja mais trabalhoso, a compra direta com o fabricante oferece algumas vantagens.

O importador sabe exatamente se vai encontrar os produtos para fazer reposição, quando um item for descontinuado, o importador será informado, tendo a opção de substituir.

Por outro lado, o importador terá que cuidar de todos os processos, pois ao fornecedor cabe apenas a produção e o envio da mercadoria.


Por onde começar a comprar roupas da China no atacado?


Antes de começar a procurar por fornecedores de roupas da China, o primeiro passo é saber exatamente o que vai comprar e o público que deseja atender. Isso vai te ajudar a ter um direcionamento melhor na hora de pesquisa.

Existem muitos fornecedores na China e com tantas opções será difícil decidir sem ter um objetivo.

Com essas definições feitas, comece a procurar nos mercados certos.

Você pode utilizar a internet para procurar, buscando pelo termo “supplier” junto com o nome da região em que deseja procurar.

Os principais exportadores de vestuário estão em Guangdong, Zhejiang, Jiangsu, Xangai, Shandong e Fujian. Wuhan é o centro da moda e reúne muitos fornecedores e empresas que negociam por atacado.

Depois de começar suas pesquisas, faça algumas listas com as opções que encontrou e comece a compará-las. Veja quais fornecedores vendem o que você procura, quais são os prazos que oferecem, formas de pagamento, compare os preços, verifique se há quantidade mínima para compra etc.

Essas informações vão te ajudar na escolha.

Em seguida, escolha os melhores e comece o contato. Esse passo vai te ajudar a avaliar o atendimento do fornecedor.

Isso é muito importante para o processo de importação, pois o relacionamento será fundamental para o sucesso de todo o processo. O contato também será um fator de escolha.

A última etapa dessa fase de conhecimento é um teste de compra. Você pode fazer um pedido de cada fornecedor que gostou, caso tenha mais de um, ou comprar direto naquele que mais atende suas expectativas.

Essa compra pode ser em menor quantidade, pois é uma avaliação e se não der certo, você não terá prejuízo.

A compra em menor quantidade deve ser negociada com o fornecedor, pois nem todos vendem peças em poucas unidades.


O que avaliar em um fornecedor atacadista?


Escolher um fornecedor sem poder conversar pessoalmente, conhecer suas instalações, processos e produtos é um grande desafio. Envolve confiança e investimento, por isso, é preciso considerar alguns fatores que vão te ajudar com a escolha. A seguir, você vai ver o que deve avaliar na escolha do fornecedor.

  • Tempo de resposta: bons fornecedores atendem com agilidade e não deixam o cliente esperando uma resposta. Isso mostra quão organizados estão seus processos e, principalmente, sobre o comprometimento do fornecedor. Imagina ter um problema com a compra e não conseguir contato rápido com o fornecedor.

  • Política de devolução: é esperado de um bom fornecedor que ele ofereça uma política de devolução de 30 dias para seus clientes. Desconfie de atacadistas que não oferecem nenhum tipo de política de devolução.

  • Qualidade dos produtos: investigue sobre a qualidade dos produtos, quais são os tecidos utilizados na fabricação etc.

  • As imagens do site podem enganar.

  • Flexibilidade: você já deve ter ouvido falar que na China as pessoas não são tão flexíveis quanto no Brasil, mas essa é uma característica fundamental para quem trabalha com vendas. Durante a negociação, avalie se o atacadista é flexível.


Cuidados antes de comprar roupas da China no atacado para revenda


Agora que você já escolheu o fornecedor e quer começar a comprar roupas da China, ainda tem alguns fatores que precisam ser observados. O primeiro está relacionado com os produtos em si. Antes de comprar, entenda mais sobre a conversão de medidas.

Os asiáticos são mais magros e menores do que os brasileiros. Isso pode causar confusão na hora de comprar e revender o produto. Por isso, você precisa saber converter as medidas dos asiáticos para as medidas brasileiras.


Veja a tabela abaixo:


Alguns fornecedores usam medidas em polegadas (inches) e nomes das partes do corpo em inglês:

  • Bust – Busto

  • Shoulder – Ombro

  • Sleeve – Manga

  • Waist – Cintura

  • Length – Comprimento

Veja como converter as medidas de polegadas para centímetros:



Sempre que ficar na dúvida, prefira ter uma média do tamanho dos seus principais clientes, como P e M, por exemplo, e opte pela maior.


Por fim, a importação de roupas é protegida pelo governo federal. Quem deseja comprar roupas da China no atacado para revender no Brasil, precisa ter uma licença de exportação emitida pelo Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior (MDIC) antes de começar.


A solicitação é feita online, por meio de um despachante aduaneiro e o custo é em torno de 60 dólares. Além disso, a empresa também precisa estar registrada no Radar Siscomex e ter um cadastro de pessoa jurídica.


A importação de roupas com objetivo de revenda também não pode ser feita por meio do importa fácil dos correios.


Quer saber onde encontrar fornecedores de roupas da China? Conheça nosso curso Alibaba Passo a Passo onde abordamos desde como fazer esta busca, legilslação, custos etc.


Resumindo


Como comprar roupas da China no atacado para revender?


Para comprar roupas da China no atacado para revender no Brasil, é preciso ter uma licença de exportação emitida pelo Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior (MDIC, basta fazer a solicitação online com o auxílio de um despachante aduaneiro. É importante também que a empresa esteja registrada no Radar Siscomex e tenha um cadastro de pessoa jurídica. No nosso curso Alibaba Passo a Passo explicamos como. Como converter as medidas de roupas da China? A medida das roupas chinesas é bem diferente das brasileiras. Isso porque os asiáticos são mais magros e menores do que os brasileiros. Por isso é preciso ter atenção e saber converter as medidas dos asiáticos para as medidas brasileiras. Como escolher um fornecedor atacadista? Escolher um fornecedor atacadista envolve confiança e investimento, por isso, alguns fatores importantes precisam ser levados em consideração, como o tempo de resposta, política de devolução, qualidade dos produtos e a flexibilidade do fornecedor.